9 de mar de 2014

Taturana Lonomia / Lonomia caterpillars (Lonomia sp.)

Biologia-Vida | "Automeris metzli" | Photo:  Ana Maria Rincon
Estado adulto da Lonomia obliqua | Fhoto: Mario Jorge Martins
Foto: R. Morais (Instituto Butantan)

A taturana Lonomia (Lonomia sp.) encontrada na América do Sul, é uma das espécies de lagartas mais perigosas do mundo. Estado larval de uma mariposa, o seu veneno já matou ao menos seis pessoas e mandou centenas ao hospital; os pelos urticantes, ao serem tocados, liberam toxinas que queimam na hora, já comparado a óleo fervente, e o corpo todo passa a doer, podendo ocorrer hemorragias. A população da espécie Lonomia obliqua está aumentando nas cidades, devido o desmatamento, que faz o animal invadir áreas habitadas por humanos. O seu veneno tem sido estudado com relação à coagulação sanguínea, pois se usado corretamente pode evitar a apoptose (morte celular).

Lonomia caterpillars (Lonomia sp.) found in South America, is one of the most dangerous species of caterpillars in the world. Larval stage of a moth, its venom has killed at least six people and sent hundreds to the hospital; the stinging structures, when touched, release toxins that burn right away, compared to boiling oil, the whole body starts to ache and may occurs bleeding. The population of the Lonomia oblique species is increasing in cities due to deforestation, which causes the animal to invade areas inhabited by humans. Its venom has been studied around blood clotting, because, if used correctly, can prevent apoptosis (cell death).

Sources: Super Abril / USP / Centro da Informação Toxicológica
Postado por Thalita Morais